A Professora e a Mãe

A professora e a mãeO envolvimento com a educação dos seus filhos deve ir muito além de apenas se fazer presente. Isto é o que a professora do seu filho espera de você.

Mas se você está perdida só na boa vontade sem ter ideia de como fazer isto, este artigo apresenta algumas dicas:

Mostre-se uma mãe interessada e agradável.
As professoras se tornam bem mais solidárias se você for vista como uma mãe participativa, agradável e encorajadora.

Mantenha sempre as promessas.
A professora deve sempre ser capaz de contar com a sua ajuda prometida à educação do seu filho. Falar sobre que deve ser feito não é suficiente, será também necessário agir.

Se você informar a professora de que você está disposta a colaborar com o ensino do seu filho, seja honesta em relação aos seus limites, prometa somente o que você sabe que pode cumprir.

Promessas não cumpridas apenas pioram o problema e seria uma decepção para a professora que contava com seu auxílio. Com isso sua imagem de mãe participativa entra em decadência.

Muitas vezes, a educação dos filhos é mais difícil para os pais do que para os próprios filhos. Mas saiba que a sua persistência e dedicação de hoje para com educação do seu filho resultarão num ser humano com mais chances de ter um bom emprego quando adulto e capaz de conquistar sua independência e responsabilidade.

Defina regras e expectativas.
Você tem que definir o seu papel de educadora e mãe ao mesmo tempo, porque é isso o que as grandes mães são. Seu filho precisa de limites e a escola é um microcosmo do mundo adulto que o prepara para o trabalho; e é essa a mensagem que você deve transmitir ao seu filho.

Sempre que a professora exigir alguma responsabilidade dele, ao invés de querer protegê-lo demais, de achar que ainda é muito cedo para ele saber o que é responsabilidade, apóie a professora, porque esse será um favor que você estará fazendo ao seu filho e tenha certeza de que um dia ele saberá agradecer por esses momentos.

Compartilhe informação.
Muitos professores dizem que não costumam receber informações dos pais sobre os problemas dos filhos em casa. Muitos pais dizem que não sabem o que a escola espera deles em relação à colaboração. Compartilhar informação é essencial e tanto os professores quanto os pais são responsáveis por fazer as coisas acontecerem.

Diga à professora tudo o que ela precisa saber sobre seu filho. Se ele tem necessidades especiais, deixe-as bem explícitas.

(Fonte: EducaçãoInfantil.pro.br)